Oi gatas, hoje vamos falar de um assunto que nos incomoda bastante:  CÓLICAS MENSTRUAIS.  Todo mês é a mesma ladainha: É uma dor em có...

0 Comments

Oi gatas, hoje vamos falar de um assunto que nos incomoda bastante: CÓLICAS MENSTRUAIS. Todo mês é a mesma ladainha: É uma dor em cólica, ou seja, vai e volta. Costuma aparecer algumas horas antes ou junto com a menstruação. Geralmente toda a região do abdomem fica dolorida e pode ser acompanhada de sintomas gerais como: Enjoos, diarréia,  vômitos, cansaço, dor de cabeça, nervosismo, vertigem e até mesmo desmaios. Você não tem vontade de sair de casa por causa das terríveis cólicas. Pois saiba que algumas atitudes simples podem ajudar a amenizar essa coisa horrível.. Para te ajudar a se livrar deste incômodo, pesquisei na net e separei algumas dicas de vários especialistas. Escolha o seu método.

Descanso: É importante descansar se você estiver com muita dor. O simples fato de deitar e apoiar a barriga para baixo já ajuda a aliviar a cólica Uma dica é se deitar de barriga para baixo, apoiada em um travesseiro, comprimindo suavemente o ventre para diminuir a cólica menstrual.

Chás: Os chás também podem ajudar muito no combate às cólicas menstruais. A canela é utilizada no tratamento da cólica desde a antiguidade e ervas como a “angélica chinesa” tem efeito antiespasmódico, já a “agoniada”, tem efeitos analgésicos.

Bolsa de água quente: Coloque-a na região lombar e no abdômen. O calor estimula a irrigação, relaxa a musculatura e ameniza o impacto fazendo com que as contrações no útero causem menos dor,

Alimentação adequada: Os alimentos consumidos durante estes dias devem conter cálcio, como os laticínios e os vegetais escuros. A ingestão de alimentos que contém magnésio, como, a soja, a banana, a beterraba, a aveia, o tofu, a couve e a abobrinha também é recomendada. As gorduras polinsaturadas também são indicadas neste período e estão presentes no salmão, no atum e na castanha do Pará. Estes alimentos tem efeito anti-inflamatório natural e ainda ajudam a relaxar os músculos.

Situações estressantes: Muitas pessoas com dores ficam mais irritadas e perdem a paciência. Por isso, procure fugir das situações de estresse.

Atividade física: Algumas atividades físicas auxiliam na diminuição destas terríveis dores mensais. Entre elas estão a ioga, o alongamento, a caminhada ou andar de bicicleta. Quando praticados regularmente, estes exercícios liberam endorfinas e ocorre uma diminuição das dores.

Siga esses exemplos: deite-se de costas, com joelhos dobrados, pés no chão e braços para trás. Ao mesmo tempo, levante os braços para a frente e estique as pernas para a posição sentada. Incline-se para a frente e tente alcançar os pés com os dedos das mãos. Retorne à posição normal.
Outro exercício: fique em pé, de frente para a parede, a uma distância de 30 cm. Cruze os braços na altura dos ombros. Incline a barriga até que toque a parede. Permaneça nesta posição por um minuto, mantendo os calcanhares no chão e os joelhos retos. Retorne à posição inicial.

Alimentos não recomendados: Alguns alimentos devem ser evitados para que não haja produção ainda maior de hormônios femininos. Dentre eles estão os alimentos ricos em gorduras, os embutidos e também as bebidas que contém cafeína.

Massagens: Algumas massagens podem combater não só as cólicas menstruais mas também os sintomas da TPMA massagem chinesa ou a Ayurvédica possuem pontos que, ao serem apertados, tratam a TPM e as cólicas. O mais usado é um chamado Zi Gong Xué, que fica perto das bordas do púbis.

Homeopatia: A homeopatia pode ser uma ótima alternativa para amenizar a cólica menstrual. Variando de paciente para paciente, as indicações de remédios homeopáticos costumam incluir Ervaa, Lachesis, Sépia, Calcarea Carbônica, Caulophyllum e Chamomilla.

Medicamentos: Os medicamentos para cólicas menstruais são à base de antiespasmódicos ou ainda são feitos com anticoncepcional. Porém, todo medicamento deve ser tomado apenas sob orientação médica e seguindo fielmente a duração, horários e doses indicadas.



Também poderá gostar de:

Nenhum comentário:

- Os comentários deste site são moderados;
- Não serão aceitos comentários ofensivos, racistas ou contendo spam;
- Todos os comentários serão respondidos o mais breve possível
- Obrigado por comentar